JARU – Professor Zenildo, acusado de estupro é julgado e condenado a 18 anos de reclusão

JARU – Professor Zenildo, acusado de estupro é julgado e condenado a 18 anos de reclusão

O Tribunal de Justiça de Rondônia por meio de decisão do Juiz criminal da Comarca de Jaru Dr. Luiz Marcelo Batista da Silva, condenou o professor  Zenildo Palmeira da Silva, a 18 anos de prisão por ter cometido estupro a um adolescente de 13 anos.

O crime criou bastante repercussão municipal e até a nível nacional, dadas as condições em que foi cometido. (saiba mais aqui )

Zenildo já cumpriu  138  dias, ou seja, 04  meses e 18 dias de prisão, restando ainda uma pena privativa de liberdade de 18 anos, 03 meses e 12 dias de reclusão a ser cumprida.

14 anos, cursando o Ensino Fundamental, e estudante de Web Designer.