População aguarda revoltada a chegada dos assassinos

População aguarda revoltada a chegada dos assassinos

Ao serem conduzidos ao Presídio de Ouro Preto do Oeste na noite de segunda feira (28), os acusado do Homicídio do Gerente do Sicoob Gleysson Batista Campos, tiveram que receber uma escolta reforçada, já que desde a tarde, a população da cidade aguardava em frente à delegacia e presídio, com a suposta intenção de linchar os dois homicidas.

Saiba mais sobre o caso

[trx_button type=”square” style=”default” style_color=”original” size=”small” link=”http://jaruro.com.br/crime-do-gerente-do-sicoob-em-ouro-preto-foi-passional/” popup=”no” top=”inherit” bottom=”inherit” left=”inherit” right=”inherit”]Crime do gerente dos Sicoob foi passional[/trx_button]

O Mister Rondônia, João Victor Doenha e seu comparsa Ronaldo Simões, foram entregues no presidio após prestarem depoimento na Delegacia do Município, onde deram varias versões conflitantes sobre o crime. Na chegada, foram hostilizados pela população que os xingavam e proferiram palavras de ameaça. Os presos precisaram correr para dentro do presídio, local onde se sentem mais seguros, haja vista a tamanha revolta da sociedade com este crime brutal.

[trx_video url=”https://www.youtube.com/watch?v=r9G4XE7imy0″ ratio=”16:9″ autoplay=”off” align=”center” top=”inherit” bottom=”inherit” left=”inherit” right=”inherit”]